37.7 C
Brasil
domingo, agosto 14, 2022

Sintomas de gravidez ou prenhez em cadelas: saiba quais são

Publicidade

Pode parecer fácil saber quando uma cadela está gestando, pois ela apresentará um abdômen significativamente aumentado. O problema é que essa evidência aparecerá nos momentos finais da gravidez.

Se estivermos interessados ​​em saber com antecedência se nossa cadela está grávida, devemos observar outros sintomas mais discretos. Vamos ver em detalhes como saber se a nossa cadela está grávida e quais os sintomas que deve procurar

Como é o zelo de uma cadela e quanto tempo dura

Publicidade

É o nome popular para a parte do ciclo reprodutivo da cadela em que é fértil. Isso acontece cerca de duas vezes por ano, aproximadamente a cada 5-6 meses.

Cada cio dura aproximadamente entre 15 e 18 dias e é neste período que o macho tem maior receptividade. Ele também produz uma ovulação espontânea. Dizemos que é espontâneo porque o acasalamento ocorre ou não, ao contrário do gato, sempre haverá ovulação.

Se uma cadela no cio tem poucas chances, ela ficará grávida. Portanto, se o perdermos de vista nesse período, será tratado como se fosse até prova em contrário. Embora nos pareça que está bem fechado em alguma fazenda ou pátio, os machos atraídos pelo calor são capazes de se esgueirar por locais inacessíveis a priori.

Sintomas visíveis em uma cadela grávida

A gestação da sua mascote é o tempo que decorre entre a fertilização, (que pode ser cavalgada direta com outro cão ou inseminações) e o parto, cujo período fisiológico oscila entre 57 e 70 dias.

Publicidade

Assim que uma fêmea engravida, grandes mudanças são desencadeadas dentro dela graças à combinação de diferentes hormônios, mas, em geral, essas mudanças iniciais não são visíveis.

Só o aumento do tamanho da barriga e dos seios poderia nos deixar desconfiados, mas isso ocorre já nas últimas semanas de gravidez. Outros sinais são os seguintes, que aparecerão em momentos diferentes:

  • Ligeiro ganho de peso.
  • Mudanças na dieta: não é incomum a cadela começar a comer mais ou passar por fases com menos apetite. Se suas necessidades nutricionais não forem atendidas, ela perderá peso.
  • Glândulas mamárias: além de aumentadas em preparação para a futura lactação, podem escurecer, aproximadamente no 40º dia de gestação. Elas podem secretar líquidos. Por si só, não é um sinal de gravidez.
  • Pesquisa de ninho: cavar no solo ou entrar em lugares escondidos como um armário faz parte do comportamento canino de aninhamento. Quando a cadela vai dar à luz, ela procura um lugar tranquilo para se refugiar dos predadores.
  • Mudanças de comportamento: podemos notar algumas cadelas, mais nervosas, menos ativas, suscetíveis, mal-humoradas, outras impedem que cães do sexo oposto se aproximem deles, etc.
  • Vômitos: muito raramente a cadela na terceira ou quarta semana, devido ao efeito de hormônios, apresentará vômitos leves.
  • Movimentos do filhote: durante as duas últimas semanas de gestação, se apoiarmos suavemente nossa mão estendida sobre a barriga, podemos notar como os filhotes se movem.

Se o que queremos é saber se nossa cadela está prenhe nos primeiros dias após o acasalamento, devemos ir a uma clínica veterinária para realizar uma ultrassonografia ou análise e verificar se está em condições.

Por que estamos interessados ​​em saber logo se nossa cadela está grávida?

Saber o estado de gravidez de nossa cadela nos ajudaria em primeiro lugar a avaliar se é ou não desejável levar a gravidez até o fim. Caso a gravidez seja desejada, pode-se saber a data exata do parto e assim evitar riscos e perdas neonatais.

Além disso, permitiria definir diretrizes nutricionais, bem como desparasitação e comportamento de vacinação (dependendo da fase da gravidez em que se encontra).

O papel do veterinário

Antes de suspeitarmos que nosso cão está em condições devido aos sintomas, existem métodos clínicos que podem confirmar a gravidez sem qualquer dúvida. Para isso, devemos ir ao veterinário. Embora a citologia ou análise possam ser feitas, os testes estrela são ultrassom e radiografia.

A partir do 18º dia de gestação, uma ultrassonografia abdominal será capaz de detectar a presença de fetos em formação no útero. A radiografia também pode ser realizada a partir do 45º dia. Em ambos os casos, além do diagnóstico, podemos saber com segurança quantos filhotes a cadela vai ter.

O veterinário também pode nos dizer como verificar se nossa cadela está bem quando está em casa ou se apresenta sintomas de aborto, como sangramento, dor abdominal ou febre.

Últimas Postagens

Notícias relacionadas:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.