21.1 C
Brasil
segunda-feira, dezembro 5, 2022

É mito ou verdade que os vira-latas são mais resistentes a doenças? Confira aqui

Publicidade

Os nossos queridos cães vira-latas são extremamente populares e amados por praticamente todos os amantes de pets, existem muitos mitos sobre esses animais que dizem que eles são mais resistentes que os cachorros de raça e que vivem mais tempo que os outros.

Com a experiência e o conhecimento da veterinária Lívia Romero, podemos sanar esses supostos mitos e dúvidas envolvendo os vira-latas que acabam deixando muita gente confusa e também curiosa para saber cada detalhe.

O vira-lata realmente não fica doente?

Publicidade

É seguro dizer que os cães SRD são menos propensos a ter problemas hereditários sim, mas isso não quer dizer que os vira-latas nunca acabam ficando doentes, inclusive, quanto mais velho ele for ficando, mais chances os bichinhos possuem de adquirir alguns problemas de saúde, dores nas articulações como artrite e artrose, problemas no coração, dificuldades na visão são alguns desses problemas.

Vira-latas podem se alimentar de qualquer coisa?

Isso é considerado um grande mito, a alimentação dos animais deve ser sempre balanceada, independentemente de ter ou não uma raça, deste modo a melhor forma de descobrir qual a alimentação é a mais adequada para um pet, é por meio de uma conversa com o médico veterinário.

Cada vira-lata tem uma personalidade distinta?

Isso é verdade, caso a pessoa adote um pet cuja a raça é reconhecida como agressiva, isso não significa necessariamente que esse animal terá essa característica, podemos destacar que a forma pela qual o pet é criado é a que faz toda a diferença, assim como o seu adestramento.

Publicidade

Os vira-latas vivem mais?

Isso é puro mito, não há dados estatísticos que comprovem que o cão SRD vive mais que o animal que possui alguma raça, essa ideia que eles podem viver por mais tempo se dá pelo fato da seleção natural dos animais que sobrevivem nas ruas. Basicamente, os mais fortes que conseguem viver por mais tempo nas ruas, acabam passando essa característica para os seus filhotes e assim esse traço se perpetua.

Últimas Postagens

Notícias relacionadas:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.