32.9 C
Brasil
segunda-feira, agosto 15, 2022

Com participação surpresa de Ana Hickmann, Instituto Magnus entrega cinco filhotes para socialização

Publicidade

O Instituto Magnus – iniciativa sem fins lucrativos, especializada no treinamento de cão-guia gerido pela Adimax, uma das maiores fabricantes de alimentos para cães e gatos do Brasil – entregou cinco filhotes para famílias socializadoras, com a presença surpresa da apresentadora Ana Hickmann.

Os filhotes de labrador Xaile, Xenon, Xavier, Xarlote e Xênia vão ficar sob a tutela das famílias cerca de um ano. Elas têm agora o compromisso de expor os cães a diversas situações, como andar em transporte coletivo, passear em espaços públicos, conviver com outros animais e pessoas, entre outras atividades.

Publicidade

“Esta etapa é fundamental para a formação do cão-guia, pois somente convivendo com a família em sociedade é que ele aprende a se comportar em determinadas situações. Estamos sempre em busca dessas famílias para a continuidade do nosso trabalho e destacamos o quanto isso é para uma boa causa, pois quem contribui para este processo, está ajudando as pessoas com deficiência visual a terem mais confiança e autonomia em sua rotina”, declara Thiago Pereira, gerente geral do Instituto Magnus.

Grande surpresa para as famílias presentes, Ana Hickmann, que já socializou a Kira, cão de assistência para cadeirante, e atualmente socializa Itália, enfatizou a importância do trabalho dos voluntários “Sem a família socializadora não tem cão-guia, não tem cão de assistência, e precisamos cada vez mais das pessoas que têm disposição, têm um pouco mais de tempo e amor para dar. Primeiro você recebe amor desses bichinhos, depois você compartilha tudo o que vive durante esse um ano com alguém que não conhece, mas que você pode fazer uma grande diferença na vida dela”.

Divulgação

Além de ensinar o que esse filhote precisa saber para sua futura função, a família colabora com uma mudança social, ensinando a todos que cruzam seu caminho sobre a causa. O processo todo de treinamento dura cerca de 18 meses, até que o animal possa ser entregue para a pessoa com deficiência visual que, por fim, participa da última etapa de treinamento para se adaptar ao novo companheiro.

Divulgação

É válido destacar também que, no período de socialização, todos os custos com o animal, desde alimentação, medicamentos, acompanhamento veterinário e da equipe técnica, são de responsabilidade do Instituto Magnus.

Publicidade

 Como se tornar uma família socializadora?

Atualmente algumas cidades da região metropolitana de Sorocaba (RMS) fazem parte da área de cobertura de famílias socializadoras. Como é necessário realizar o acompanhamento dos filhotes, o Instituto delimita a região de atuação para as cidades de Salto de Pirapora, Sorocaba, Votorantim, Itu e Araçoiaba da Serra.  Os interessados podem tirar todas as dúvidas e se inscrever pelo site do Instituto: www.institutomagnus.org.

Últimas Postagens

Notícias relacionadas:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.