18.5 C
Brasil
domingo, agosto 1, 2021

Atenção! Dores musculares em pets tendem a aumentar no inverno, confira como prevenir

Publicidade

O tão querido e também odiado frio para muitas pessoas chegou de vez na maioria das regiões do Brasil, com isso em mente aumenta a lista de cuidados com os pets, pois manter cachorros e gatos seguros e confortáveis durante o inverno proporciona uma melhor qualidade de vida para eles e muito mais alegria para a família.

“Pets com dores ficam desanimados e tristes. Isso afeta toda a casa. Por isso, é preciso atenção dos tutores aos sinais de dores e desconforto dos cães e gatos. O objetivo é resolver eventuais transtornos causados pelo frio o mais rápido possível”, explica a veterinária Patricia Guimarães, responsável pelo departamento técnico de marketing da Syntec do Brasil.

Publicidade

Vale reforçar que as dores causadas por problemas musculoesqueléticos podem piorar durante épocas ou dias mais frios. Além disso é recomendado possuir uma atenção especial para cães e gatos mais velhos. “Os animais idosos são os que mais sofrem. Assim como os humanos, eles comumente apresentam quadros de artrite, artrose, osteoartrite e problemas de coluna, como hérnia de disco ou bicos de papagaio, e podem sentir dores mais intensas nos dias mais frios. Também, com o passar dos anos , ocorre diminuição da massa muscular e da camada de gordura. Isso dificulta a manutenção da temperatura corporal dos pets. As baixas temperaturas também contribuem para a diminuição da imunidade de qualquer animal, facilitando a entrada de vírus ou bactérias no organismo. Por isso, é necessário redobrar a atenção com os nossos pets”, relata a especialista.

Os sintomas são distintos em cães e gatos, por isso é importante a atenção dos tutores aos sinais emitidos. Patricia ainda reforça, “Os cães praticamente falam com a gente. É mais fácil perceber quando estão com algum problema, pois existe uma alteração no padrão comportamental desses animais, eles ficam mais quietinhos, para de interagir com os seus tutores e de se alimentar. Então, é possível saber quando existe algo errado. Já com os gatos essa percepção é mais difícil. É necessário ficar atento às mudanças de comportamento para entender o que está acontecendo”.

Para impedir as doenças crônicas durante o inverno é muito importante manter os pets aquecidos, o suplemento alimentar Condrotec Pet, indicado para cães e gatos de todas as idades, auxilia na prevenção e no tratamento de doenças musculoesqueléticas, pois previne e diminui a velocidade de degeneração da cartilagem articular, o citado acima é apenas um dos exemplos pois os tutores tem grandes opções de produtos do qual pode auxiliá-lo em cuidar do seu bichinho.

“Vale lembrar que tratamentos alternativos como a acupuntura, oriunda da Medicina Tradicional Chinesa, contribuem também para o controle da dor, se mostrando muito eficaz como recurso coanalgésico, pois associada com condroprotetores e anti-inflamatórios, melhora a condição de bem-estar dos pets”, explica Patricia.

Últimas Postagens

Notícias relacionadas:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui